" Sou o intervalo entre o que quero ser e o que os outros me fizeram "

terça-feira, dezembro 21, 2004

Ícaro

Quero voar, quero subir aos céus…
Estar mais perto do Sol,
Esperar que o calor me derreta,
Apagar a dor da memória transformada na saudade.
Quero ser Ícaro com asas de cera,
Quero ser de cera para também eu me sublimar.
Não mais quero sonhar acordado,
Preciso dos teus olhos para despertar desta apatia que me consome.
Ah pudera eu apagar a distância que nos separa,
Pudesse eu ser Deus só um momento,
Abrir os mares em dois e atravessar em direcção ao céu.
Voar, voar tornaria tudo mais simples…
Já não sei o que quero, já não sei quem sou,
A sensação de estar… de ser incompleto,
Falta-me algo, falta-me alguém, faltas Tu...
Que pare o tempo no momento perfeito,
Que o beijo se estenda para a eternidade,
Que o mundo se esqueça de mim para ser só teu…
Quero ser Ícaro, para derreter e cair no mar,
Para estar sempre, para ser mais perto do céu…




ADORO-TE